Your browser does not support JavaScript! 
0800 707 2003
0800 707 2003

Ir para o conteúdo. Ir para a navegação

Imagem
Home > Sala de Imprensa > migracao > Noticias > Temas debatidos durante a Conferência Internacional do Bem Estar Social serão levados às universidades
Imagem

Temas debatidos durante a Conferência Internacional do Bem Estar Social serão levados às universidades

Bruno Spada / MDS
1390
Encerramento da Conferência do Bem Estar Social
Os debates sobre exclusão social realizados na 32ª Conferência Internacional do Bem Estar Social, que terminou nesta quarta-feira (19/07), em Brasília, serão publicados em 60 dias para a socialização dos temas junto, principalmente, às universidades. “É importante que esses jovens estudantes, futuros profissionais, reproduzam o compromisso que está se tornando mundial de combater a pobreza”, disse a secretária-executiva do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Márcia Lopes, no encerramento do evento. Manter o diálogo e buscar formas de promover a inclusão de acordo com a realidade de cada país foram ações destacadas pela secretária. “Queremos um estado de bem-estar social no sentido de garantir um mundo em que todos se sintam respeitados”, enfatizou.
 
“Mesmo que um país seja rico, se as pessoas do mundo não estiverem sendo cuidadas, esse governo também falhou”. A declaração foi feita pela ministra do Desenvolvimento das Mulheres da Família e Comunidade, da Malásia, Dato Sri Shahrizat Abdul Jalil, que participou do evento com uma delegação de 20 pessoas. “Viajamos por 40 horas para vir a este belíssimo país, mas não nos arrependemos. Estamos aqui porque queremos a continuidade dos esforços para que não haja desigualdade no mundo”, disse Abdul.
 
A presidente da Conferência, Maria da Penha Silva Franco, destacou o apoio recebido pelos parceiros na realização do evento, como o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), o Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Serviço Social do Comércio (Sesc). “Falo de improviso, porque para o coração não precisa papel e caneta, basta a palavra. Nada se faz sem alianças e sem pessoas. Assim, como formiguinhas, construímos uma coisa grandiosa”, disse, emocionada.
 
A 33ª Conferência Internacional do Bem Estar Social já tem data e local marcados: será na França, de 30 de junho a 4 de julho de 2008.
 
Suas - “A contribuição do Sistema Único de Assistência Social (Suas) no enfrentamento à pobreza” foi o tema apresentado pelo secretário nacional de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Osvaldo Russo, e da diretora do Departamento do Suas, Simone Albuquerque, no último dia da Conferência. Russo fez um retrospecto da Assistência Social no Brasil e destacou a construção de políticas públicas continuadas como um marco da área, onde a assistência passou a integrar o sistema de Seguridade Social, junto com a Saúde e a Previdência.
 
“A Assistência Social era a parte mais fraca deste tripé devido à trajetória de clientelismo e esmola. Esta é a grande mudança”, destacou. Acelerar o crescimento econômico, uma educação de qualidade e consolidar a rede de proteção social foram citados pelo secretário como fundamentais para haver justiça social. “Respeitar a autonomia dos povos é a condição para fazer as mudanças que queremos no mundo”, concluiu ele.
 
Simone Albuquerque explicou que a Assistência Social promove a cobertura de situações de vulnerabilidade para além da pobreza, já que a responsabilidade é garantir renda, segurança de acolhimento, de autonomia e da convivência com a família e a comunidade.
 
Informações para a imprensa
Ana Soares
(61) 3433-1051

ASCOM / MDS

Ações do documento
MDS.gov.br
Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome
Licitaçs e Contratos Certificaçço Editais Sesan Destaques Selo Transparêia Púa
Imagem